Aprendizado contínuo: qual a importância para o seu desenvolvimento?

Nunca o conhecimento se desenvolveu tão rápido como nos dias de hoje. A única maneira de enfrentar os desafios dessa era é compreendendo que a aprendizagem é algo que não deve parar nunca. Com isso, a ideia de aprendizado contínuo vem ganhando espaço na vida dos indivíduos.

As pessoas estão compreendendo que desenvolver novas competências e habilidades pode ser parte da conquista dos seus sonhos ou até mesmo servir de ponte entre elas e o sucesso profissional que tanto almejam.

Vamos conversar mais a respeito? Veja, neste artigo, como o aprendizado contínuo se tornou importante para empresas e colaboradores. Também confira algumas dicas de como promovê-lo.

A importância do aprendizado contínuo

Vivemos em mundo que está em constante mudança. Prova disso são os avanços tecnológicos e a revolução digital — ambos estão transformando radicalmente o nosso jeito de viver. Diante desse cenário, a sociedade tem se perguntado quais habilidades devem ser aprendidas.

Da mesma forma, as pessoas questionam frequentemente o papel das instituições tradicionais de ensino nesse processo, pois o modelo padrão de educação (que ainda predomina) não prepara efetivamente as pessoas para o trabalho e para a vida.

O único de jeito de se preparar para as mudanças é por meio do aprendizado contínuo. Esse conceito aborda a necessidade de estudar e se desenvolver, pessoal e profissionalmente, ao longo da vida, já que o aprendizado tradicional já não é mais o suficiente.

Aprender é algo que não deveria se restringir apenas às salas de aula, mas ser uma jornada contínua, durante toda a vida.

Desse modo, o aprendizado contínuo consiste em investir na formação profissional e pessoal de forma voluntária, proativa e permanente — seja para o crescimento na carreira profissional, seja por motivos particulares. Como as mudanças do mundo estão se refletindo nas pessoas, é preciso entender que as habilidades que se tornarem obsoletas devem ser substituídas.

Segundo pesquisa da Pew Research Center em parceria com a Markle Foundation, a maioria dos entrevistados afirma que novas habilidades e treinamentos podem ser a chave para o sucesso no trabalho.

Há uma mistura de habilidades sociais e técnicas vistas como cruciais para os profissionais — por exemplo, a criatividade, a empatia e a curiosidade. A ideia vigente é que a responsabilidade de preparar e ter êxito na força de trabalho começa com os próprios indivíduos.

Benefícios de nunca deixar de aprender

Há uma série de vantagens para quem se preocupa em manter o aprendizado contínuo como meta para sua vida. Uma delas é a maior preparação profissional para as mudanças recorrentes no ambiente de trabalho. Quem se capacita continuamente se mantém qualificado e atualizado durante sua carreira profissional. Com isso, aumenta suas chances de empregabilidade.

Já as empresas ganham, ao contar com colaboradores mais versáteis e adaptáveis para exercer funções diversificadas. Do ponto de vista financeiro, um trabalhador mais qualificado é um ativo para elas.

Outra vantagem para os profissionais são as perspectivas de promoção. Com habilidades escassas no mercado, um profissional que acumula aprendizado e qualificação se torna mais cobiçado pelas empresas. Essa é uma boa oportunidade para negociar um crescimento profissional.

Ou seja, a pessoa passa a ter um retorno financeiro melhor, compensado por sua maior produtividade. A aprendizagem ao longo da vida também garante novas qualificações, que podem criar oportunidades no mercado de trabalho. Assim, esse profissional fica à frente dos concorrentes na busca por emprego.

No âmbito empresarial, ter um colaborador com mais conhecimento é valioso também para os demais funcionários e para os clientes, pois as habilidades de um líder são transferíveis. Com isso, essa pessoa estratégica pode contribuir para melhorar os processos internos e entregar o melhor resultado para o cliente.

Por fim, mais um dos benefícios que o aprendizado ao longo da vida pode proporcionar é a satisfação pessoal e profissional dos colaboradores. Isso interfere no modo como se relacionam com a empresa: eles vestem a camisa, especialmente quando são bem-remunerados, promovidos e capacitados.

Formas de promover o aprendizado contínuo

Agora, nem todas as habilidades exigidas e valorizadas atualmente no mercado de trabalho — como as competências socioemocionais — estão disponíveis em cursos. Então, como conquistá-las?

O aprendizado contínuo pode ser adquirido e conduzido de várias formas diferentes, seja por meio de treinamento formal (como instrução ou coaching), seja por qualquer forma de aprendizado autodidata.

Para saber como fomentar esse aprendizado dentro de um time, fique de olho nas dicas a seguir!

Incentive a responsabilidade pela autoaprendizagem

O primeiro passo para começar a promover o aprendizado contínuo é conscientizando os colaboradores sobre a importância desse processo e criando mecanismos para que sintam motivados a buscarem o aperfeiçoamento por conta própria.

A empresa pode, por exemplo, recompensá-los com premiações, promoções, reconhecimento social ou monetário pela sua dedicação. Ligada a resultados positivos, a cultura de aprendizagem fará com que os colaboradores se sintam responsáveis pelo seu próprio desenvolvimento.

Transforme os colaboradores em mentores

Explore todas as oportunidades de aprendizagem. Uma das melhores maneiras de fazer isso é proporcionando meios para que os colaboradores possam trocar experiências entre si. Quando você os transformam em mentores ou instrutores, todos aprendem.

Quem ensina os outros consegue testar seu próprio aprendizado, colocando-o em prática. Assim, selecione os profissionais que já têm conhecimentos específicos — tanto formais quanto informais — para orientar os colegas, principalmente aqueles que estão ingressando na empresa.

Realize cursos ou treinamentos

Como falamos, o aprendizado contínuo também se dá por meio de técnicas mais tradicionais, como cursos e treinamentos. Na hora de planejá-los, além de criar programas com conteúdos que atendam aos objetivos da empresa, é importante disponibilizar também temas que talvez sejam do interesse dos colaboradores.

E, por falar nisso, não apenas funcionários devem buscar pelo aprendizado contínuo: os líderes também têm esse compromisso. No mercado, é possível encontrar soluções muito interessantes, como o método 8Ps. Ele traz bons resultados por promover dias de imersão no aprendizado, para que donos de empresas ou tomadores de decisões absorvam as melhores estratégias para seus negócios.

Não esqueça que tudo o que você investe em si e na sua equipe volta com resultados positivos. Não é à toa que o conhecimento é visto como investimento, e não como gasto.

Como vimos, manter-se em constante crescimento nunca foi tão importante quanto nos dias de hoje. Isso só tende a trazer benefícios tanto para as empresas quanto para os colaboradores. Então, não perca tempo e garanta seu próprio desenvolvimento com o aprendizado contínuo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *